Nosso jeito de proteger a terra

A s principais ameaças ao nosso território são as invasões por garimpeiros, pescadores, caçadores, madeireiros e piaçabeiras ilegais. Essas invasões acontecem porque não existe fiscalização contínua nas vias de acesso à nossa terra.

Nós também percebemos que, nos últimos anos, os incêndios aumentaram e que o fogo sempre aparece nas regiões em que fazendeiros querem tirar a floresta para fazer pastagem no entorno de nossa terra e cada vez mais próximos de nossas comunidades.

PARA FORTALECER A FISCALIZAÇÃO DA NOSSA TERRA

As propostas mais importantes são:

• Intensificar o combate ao garimpo;

• Destruir a infraestrutura do garimpo em nossa terra; • Estruturar as bases de proteção territorial em locais estratégicos da tiy;

• Investigar e punir os não indígenas que financiam o garimpo em nosso território;

• Controlar a entrada de bebidas alcoólicas e outros ilícitos;

• Não aprovar projetos de abertura de estradas na tiy sem que haja consenso no Fórum de Lideranças Yanomami e Ye’kwana.

%d blogueiros gostam disto: